terça-feira, 14 de outubro de 2008

CUBA


Hà 3 anos atrás estava neste país maravilhoso, foram as ultimas férias de casal sem filhos, fomos com um casal amigo, estivemos instalados neste Hotel, visitamos a capital Havana cidade mitica, linda , estivemos em Cayo Blanco, sitio maravilhoso com àguas quentes e transparentes, onde andávamos com peixinhos a nadarem ao nosso lado.
Estivemos em casa da nossa familia amiga Larosa em Havana, onde alugamos um carro para irmos almoçar com eles, foi uma autêntica aventura fazer os quase 200km de ida e volta de varadero a Havana, fomos mandados parar pela policia pelo excesso de velocidade loooooool, mas como eramos estrangeiros nem multas hehe, a visita a casa destes nossos amigos teve um carácter muito especial, eu já trocava correspondência com a mãe que tem 3 filhos com idades muito diferentes, a Ani com 16 anos , o jorgi com 14 e o josue com 4 , entao antes de ir reuni com familiares e amigos todo o tipo de vestuário, material escolar, medicamentos, brinquedos, artigos de higiene pessoal, enfim tudo o que lhes pudesse trazer mais conforto.
Quanto chegamos a casa deles e começamos a distribuir o que levávamos, nunca mais vou esquecer o ar de felicidade deles por coisas que nós mal damos valor, eles quando viram as escovas de dentes ficaram malucos, pediram-me para levar chocolates com amêndoas que nunca tinham provado, enfim foi tão fácil fazer estas pessoas tão felizes.
Apesar de ser um país muito pobre, é um país maravilhoso com gente magnifica, que eu hei-de voltar em breve com a minha filhota e de voltar a rever os meus amigos voltando a leva de novo a felicidade com coisas tão básicas.
Quem estiver de visita a este país, leve coisas básicas que eles dão valor a tudo e fará alguém feliz com coisas simples

11 comentários:

Graça disse...

Ola, td bem?

Agradeço e retribuo a visita :)
Volta sempre que queiras :)

Bj *****

Pais Babados disse...

É engraçado como só comecei a ler o teu blog quando mencionaste que ficamos no mesmo hotel em Cuba lol...

Também gostei muito de Cuba e foi a primeira viagem de avião que a minha filha fez com pouco mais de um ano.

Em relação ao facto do país ser muito pobre, não fiquei com essa impressão. Acho que não têm grandes luxos mas não passam fome. Na República Dominicana é que fiquei mais impressionada com a pobreza e os meninos a pedirem.

Beijinhos e boas viagens

Tânia disse...

Ainda me lembro dessa vossa viagem.
E a tua mãe toda preocupada convosco;0)
Olha quando lá voltares avisa para nós mandar-mos algumnas coisas também.
Agora vou buscar a minha "apaixonada":)

Beijos grandes para todos

Tânia, Ana Laura & João

Sonita disse...

Viagens marcantes...vidas marcantes...que te deixaram marcas e dá para pensares na tua vida....

Volta sim, é bom sinal...

beijinhos

Pedro e Pedro (filho) disse...

Infelizmente não conheço.
Gostava de um dia vir a conhecer. Mas pelo rumo da vida (a minha), não vejo que isso um dia se realize. Fico-me pelos sonhos.
Bjinhos.Pedro

Familia Paiva Alvo disse...

LOL...
Podias fazer tudo o que te apetecia sem preocupações com nada nem com horários, não era???
Agora as nossas férias são bem diferentes, não é Sarita???
Beijocas

Andreia disse...

Quem me dera conhecer Cuba...
Pode ser que me calhe na rifa umas férias destas :)


Pelo que contas as pessoas são mesmo humildes e assim até dá gosto ajudar!

Um beijinho

P.S - Ainda bem que essas dores de cabeça não são nada de grave! Mas tens que "desacelarar" ok?

O PIRATA JOÃO disse...

não conheço Cuba mas gostava muito de conhecer.... os meus pais estiveram lá há uns anos e também vieram "chocados" com a falta de produtos que para nós são básicos.
nas ruas as crianças/adultos pediam aos turistas alguma coisinha e a minha mãe conta que um dia ia a passear e uma senhora pediu-lhe qualquer coisa tipo uma caneta... a minha mãe procurou na mala mas já não tinha nada para dar porque já tinha dado tudo o que trazia nesse dia... mas restavam umas mini-meias... ela pensou não vou dar umas meias!!! e quando as tira da mala enquanto pensa no que fazer, a senhora pediu-lhe aquilo (ela não sabia o que era) a minha mãe deu, ela beijou as meias e guardou-as religiosamente no peito... por 100 anos que viva nunca me vou esquecer desta história......

um grande beijinho

Sofia, Pedro e Joana disse...

Olá querida Sara,mas que boa viagem, fiquei com curiosidade de conhecer a ilha!
Beijinhos mil,Sofia,Pedro e Joana

Tânia disse...

Amiga!
Convite aceite e obrigada.
Temos que combinar.
Estou desejosa de ver as duas princesas juntas, da ultima vez em casa da tua mãe deram-se super bem.
Deixei um beijo para a tua mãe e para voçês no meu post de hoje.

Beijo grande

Tânia; Ana Laura & João

teresa disse...

Nunca lá fui. Mas conheço pessoas que já visitaram e o engraçado é que o descrevem igual a ti.
Beijos.
Teresa e Matilde.